13 janeiro 2014

Falando de amor


Percebo que ele é por excelência o mais confuso, estranho e complicado dos sentimentos. Por que há o Amor e há amores, porque é apenas uma palavra para designar uma infinidade de relacionamentos diferentes.
Contudo, hoje estou aqui para falar do amor entre um casal, do amor que surge sorrateiramente entre duas pessoas que não possuem laços sanguíneos, (com exceção de alguns primos, etc), que querem mais que uma amizade, do amor que está intimamente arraigado com a paixão e o desejo.
Involuntariamente o maior detector do amor é o tempo. Há pessoas que dizem amar profundamente por alguns dias, um mês ou algo que o valha, porém na minha humilde opinião o amor é para sempre!
Sei que pode parecer clichê, mas quando se ama, ama-se os defeitos, ama-se a ponto de deixar a pessoa ir só para vê-la feliz, mesmo que a felicidade não seja repartida com você, ama-se despretensiosamente, pois o amor não aprisiona, o nome disso é obsessão. 
Digo que o amor é percebido com o tempo porque ele é astuto e sempre surgem provas para atestar a sua veracidade. Um exemplo disso é que você conhece alguém, se apaixona e decide que é a "pessoa da sua vida", mas aí o tempo passa e quer queira quer não as pessoas mudam, elas crescem, amadurecem, ficam mais inteligentes, ou não. E então se o conceito sobre "a pessoa da sua vida" não for bem maleável, um dia você vai se deparar com um estranho ao seu lado e se perguntar, esse é realmente o alguém que escolhi para experimentar o "para sempre"? Aí tudo que você acreditava se desmorona em um piscar de olhos, e pode ter certeza aquilo não era amor. Apenas um outro sentimento que foi confundido e transmutado em um outro sentimento. Sacou?
O amor é sagaz, inquieto. Gosta de ser surpreendido numa tarde qualquer com algo que pode ser banal aos olhos de outrem. O amor faz você olhar para aquela pessoa que tem pensamentos super conflitantes com o seu, que discorda de tudo, mas que faz você ir ao paraíso com um simples olhar. E nesse caso nem adianta se perguntar porque você ama alguém ou porque esse alguém lhe ama. Porque o amor encontra sempre algo que una dois seres, ele liga almas, e depois por mais que você busque palavras não consegue explicá-lo. E não importa quanto tempo passe você continua a olhar para aquela pessoa com aquele olhar bobo de apaixonado.
Para mim o amor dura, ele só precisa ser alimentado.

P.S Meu amor Carlos eu te amo muito tá? ♥♥♥

2 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...